Seguros.inf.br

Notícias

Susep já investiga atuação de associações nos ramos Vida e AP

mercado

13/11/2017

O diretor de Supervisão de Conduta da Susep, Carlos de Paula, revelou que a autarquia já está analisando 20 processos referentes a produtos similares a seguros de vida e de acidentes pessoais comercializados por associações e cooperativas. Segundo ele, a autarquia mantém uma força-tarefa constante no sentido de coibir a realização de operações de seguros por empresas sem autorização. “Há pelo menos 200 processos administrativos referentes à proteção veicular em apuração de indícios de irregularidades”, acentuou.

Carlos de Paula será o coordenador do grupo de trabalho criado pela Susep nesta sexta-feira (10/11) para analisar as atividades exercidas por associações, entidades e cooperativas que oferecem, de forma irregular, coberturas securitárias e produtos com características da operação de seguros.

A instalação desse GT havia sido antecipada pelo superintendente da Susep, Joaquim Mendanha de Ataídes, na primeira quinzena de outubro.

Em comunicado, Mendanha explica que a iniciativa busca colocar em discussão o mercado marginal como um todo, não apenas a chamada proteção veicular, para que sejam adotadas medidas em prol dos consumidores e do setor de seguros supervisionado pela autarquia. “Essas empresas não cumprem as regras e os critérios preestabelecidos pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) e a prática ilegal causa prejuízos à população porque não há proteção jurídica para o consumidor”, alertou.

O grupo de trabalho será composto por representantes da própria Susep, Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Fazenda; Fenacor, CNseg, FenSeg;; Escola Nacional de Seguros; e da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

O prazo para a conclusão dos trabalhos do grupo é de 90 dias.




Fonte: CQCS




« Voltar

Ver todas

Seguros.inf.br © 2011 - 2017 - Sacla Comunicação Ltda - Todos os direitos reservados.